Posts com a Tag ‘Mídia Advocacy’

Professora de Jornalismo da Unicap apresentará projetos no 2º Fórum de Mídia Livre

sexta-feira, 4 de dezembro de 2009

A professora do curso de Jornalismo da Católica Ana Maria Veloso será conferencista no 2o Fórum de Mídia Livre, que acontecerá entre os dias 4 e 6 de dezembro, na Universidade Federal do Espírito Santo. De 14 a 17, ela participará da 1a Conferência Nacional de Comunicação, em Brasília, no Distrito Federal.

No Fórum de Mídia Livre, Ana Veloso participará da mesa-redonda : Midialivrismo e o Direito Humano à Comunicação, que será realizada no dia 5 de dezembro, das 9h30 às 12h30, junto aos jornalistas Antonio Biondi, do Coletivo Intervozes, e Edgar Rebouças, da Universidade Federal do Espírito Santo, e Evandro Ouriques, da Universidade Federal do Rio de Janeiro. Ana Veloso apresentará o trabalho que desenvolve no programa Rádio Mulher e no projeto Cidadania Feminina.
(mais…)

Agenda Lilás – Dezembro 2009

domingo, 29 de novembro de 2009

04.12 – Confraternização das mães do Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (PET). Uma vez por mês cerca de 54 mulheres da comunidade se encontram na sede da Cidadania Feminina para discutir sobre o Programa e as problemáticas na comunidade. A confraternização acontece na sede da Cidadania Feminina, às 14h.

05.12 – A Cidadania Feminina realiza um Bazar com o intuito de arrecadar fundos para que a instituição continue com suas ações na comunidade do Córrego do Euclides. Para realizar o bazar a ONG recebe doações como roupas, sapatos, acessórios, livros, objetos de decoração e de cozinha. As doações podem ser entregues na sede da instituição, Rua Amoz, nº 120, Córrego do Euclides|Alto José Bonifácio, em Recife. Informações: (81) 3268.9582 ou pelo e-mail: contato@cidadaniafeminina.org.br. O Bazar acontece das 10h às 17h, na sede da Cidadania Feminina.

08 à 10.12- O projeto Mulher escuta Mulher: Pelo Fim da Violência será apresentado em São Paulo, no Encontro realizado pelo Fundo Brasil de Direitos humanos com as organizações que receberam apoio em 2009.

14 à 17.12 – Em Brasília acontece a Conferência Nacional de Comunicação. A Cidadania Feminina participou da etapa Regional e Estadual, e estará representada pela coordenadora Rejane Pereira na Nacional. Propostas do movimento de mulheres e do movimento negro foram asseguradas e serão discutidas na última etapa.

18.12 – Encontro das mulheres da Cidadania Feminina. Este é o momento das mulheres que fazem o dia-a-dia da instituição de estarem mais próximas. Um dia de lazer para colocar as conversas em dia, e se divertirem. O encontro começa às 8h em uma granja no município de Igarassu.

19.12 – Confraternização da Cidadania Feminina. As mulheres que acompanham o trabalho da Cidadania Feminina estão convidadas a participar deste momento. Neste dia haverá um Bingo com diversos prêmios, e quem quiser pode contribuir com a doação de produtos. A confraternização começa às 19h, na sede da instituição.

Mídia Advocacy

terça-feira, 17 de novembro de 2009

Nos dias 18 e 19 deste mês, amanhã e quinta-feira, o Fórum de Mulheres de Pernambuco em parceria com a Cidadania Feminina realiza uma oficina de Mídia Advocacy com 30 mulheres de grupos feministas da Região Metropolitana do Recife. O encontro acontece no auditório do Sindicato dos Trabalhadores em Educação (SINTEPE), das 9 às 17h. Em pauta, a preparação de porta-vozes do movimento para as ações do 25 de novembro – data internacional da luta contra a violência à mulher.

As ativistas também irão participar de um treinamento de mídia para rádio e televisão com jornalistas de veículos de comunicação do Estado, de rodas de diálogo com análise de vídeos, de debates sobre o perfil dos crimes praticados contra as pernambucanas e farão exercícios de leitura crítica de reportagens exibidas em veículos de comunicação.

O Fórum de Mulheres de Pernambuco decidiu investir na potencialização da fala pública de suas militantes por meio do projeto Mídia Advocacy – Qualificando Porta-Vozes Feministas de Pernambuco para dialogar com a imprensa. O projeto Mídia Advocacy  é  uma iniciativa voltada à comunicação que, além de habilitar grupos feministas para lidar com a mídia, foca o aprofundamento teórico em temas relacionados com saúde, direitos reprodutivos e direitos sexuais. A primeira edição do projeto começou em março de 2003.

A metodologia prevê discussões sobre o papel dos veículos de comunicação, troca de experiências por meio de vivências, exercícios de argumentação, de fala pública e media training.

Vídeo sobre o Ponto de Mídia Livre Cidadania Feminina

quarta-feira, 23 de setembro de 2009

O projeto Ponto de Mídia Livre – Mídia Advocacy – Cidadania Feminina, realiza nesta quarta-feira, (23), a primeira filmagem para elaboração do vídeo sobre a implementação do Ponto de Mídia Livre. A iniciativa é da ONG Cidadania Feminina, com produção do Mídia Lunar em parceria com o Ventilador Cultural. A gravação ocorrerá às 19h, na sede da organização, que fica no Córrego do Euclides, bairro do Recife. O projeto está capacitando mulheres jovens para fazer da comunicação comunitária, uma estratégia para garantir os direitos das mulheres. Neste primeiro momento, seis jovens participam de oficina de conhecimentos livres, como: o uso do software Linux, instalação de programas, utilização de atalhos, manuseio de editor de textos, imagens, vídeos e áudios. Já o conteúdo da segunda oficina incluiu interação dos conteúdos e atividades iniciais para estabelecer um contado direto por meio do manuseio dos computadores e o uso das ferramentas. No percurso, as jovens estarão aprendendo a usar o editor de aúdio Audacity, um programa livre e gratuito, para edição de áudio digital, que será o principal recurso a ser manuseado na produção do programa de rádio.

Mulheres do Apitaço vão usar mídias livres

quinta-feira, 20 de agosto de 2009

O grupo de mulheres Cidadania Feminina promove, a partir da próxima segunda-feira (24/08), o primeiro curso de Mídias Livres para jovens da comunidade do Córrego do Euclides, na Zona Norte do Recife. As aulas fazem parte do projeto Mídia Advocacy, e irão acontecer na sede da entidade, na Rua Córrego do Euclides, 672, Alto José Bonifácio, nas segundas, quartas e sextas-feiras, das 18h às 21h.

As participantes irão aprender desde o significado do uso de novas tecnologias, dos softwares livres, até o manuseio de ferramentas de edição de áudio. As atividades práticas serão complementadas, aos sábados, com rodas de diálogo sobre comunicação, cidadania e direitos humanos.

A expectativa é que as mulheres possam, ao longo da formação, montar uma rádio poste na localidade.

A proposta, contemplada com o Prêmio de Mídia Livre, oferecido, em junho, pelo Ministério da Cultura (MinC), vai ser desenvolvida até dezembro deste ano. Além do curso, a entidade está montando um Blog e um Twitter para melhorar a comunicação com a sociedade e se articular com outros grupos de mídia livre e organizações feministas de todo o país. Também estão previstas a realização de seminários de comunicação, cursos de produção de rádio e oficinas sobre feminismo e direitos das mulheres.

A ação acontece em parceria com o Fórum de Mulheres de Pernambuco, o Observatório Negro, a Ashoka Empreendedores Sociais e o Ministério da Cultura.